30 novembro 2010

já que é moda determinar...

eu determino que trabalhar em clínica aplicando e corrigindo teste não é o que eu quero pra minha vida.
determino que preciso das minhas crianças [literalmente] catarrentas do estágio amanhã depois desses milhões de laudos e trabalhos que nunca acabam.
determino que tem um café do forte e cheiroso ficando pronto agora, enquanto me restam dois laudos e dois relatórios, enquanto sir william assiste vídeos de natal, e enquanto dun-lesk-solto dá a milhonésima-terceira volta na corrida de f1 do video game.

bisous.


ps. em homehagem a minha irmã, que adora bons determinantes e seus determinismos.

07 novembro 2010

cheers.

já foram-se os 3 recrutamentos.
agora faltam 3 seleções, saber oq falar na apresentação de praticas de saúde, completar o projeto do estágio, terminar a dinamica da Casa da Acolhida e ler o livro de resiliência.
essa uvv tem cada uma...

mas nesse tempo, eu e os meus 25% de atenção concentrada nos mantemos em uma só música, q é boa o suficiente p n me cansar e ainda me fazer sonhar meus sonhos inusitados no meio d interminaveis trabalhos da uni!

(here' to you, brooke fraser)
cheers to the furrows on our brow
to each hard-won victory
cheers to the losses that grew us up
killed our pride, and filled our cup
cheers to the friendships well worn in
that time nor distance alter
here’s to the sleepers we’ll see again
find company in memoria
open your mouth and sing out your song
life is short as the day is long
i can’t leave you my body
but I’ll leave you a tune
this is my legacy
cheers to you
cheers to the passing of our youth
and the death of lust not one day
a toast to the lessons not yet learned
and to the trials that will teach them




au revoir.